FACEPE LANÇA EDITAL 07/2018 – Ciência de dados para melhorar a saúde materno-infantil no Brasil (Data Science Approaches to Improve Maternal and Child Health in Brazil)

FBMG GCE Brazil

A Fundação Bill & Melinda Gates, o Ministério da Saúde, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), incluído a FACEPE – A Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco, estão com inscrições abertas para o envio de propostas para o primeiro Gr// and Challenges Explorations (GCE) exclusivo para pesquisadores brasileiros.

O tema desta edição é ciência de dados para melhorar a saúde materno-infantil no Brasil (Data Science Approaches to Improve Maternal// and Child Health in Brazil). A chamada busca propostas inovadoras que utilizem ciência de dados e modelagens para entender os principais fatores que impactam a saúde materna e o desenvolvimento infantil no Brasil. A ideia é que os projetos financiados ajudem os gestores a definir melhores políticas públicas e intervenções nessa área.

A parceria busca soluções em 17 temas, que variam de ferramentas para identificação de riscos ao desenvolvimento infantil a avaliações do impacto de intervenções e programas sociais na saúde materno-infantil. Desde 2009, 14 projetos brasileiros foram apoiados pela iniciativa Gr// and Challenges Explorations em chamadas abertas para pesquisadores do mundo todo. Além do financiamento de 100 mil dólares da Fundação Gates, os brasileiros podem receber nesta chamada um adicional de 25% a 50% do valor total das FAPs de seus estados.

A FACEPE irá financiar até US$ 25.000,00 (vinte e cinco mil dólares) por 18 (dezoito) meses. Os interessados devem submeter suas propostas até o dia 2 de maio de 2018, no website gcgh.grandchallenges.org (Rules & Guidelines) e também no sistema AgilFAP da FACEPE, através dos seguintes passos:

  • Acessar o AgilFAP com seu login e senha (http://agil.facepe.br/);
  • Escolher, na aba Formulários, o item “Bolsas e Auxílios”;
  • Indicar, na aba Auxílios, a modalidade “APQ – Projeto de Pesquisa”;
  • Selecionar, em Natureza da solicitação, a opção “Editais” e, em Editais vigentes, a opção “Edital 07/2018 – FB&MG Saúde Materno Infantil”.

Para participar, basta descrever sua ideia em duas páginas em inglês com uma cópia em português, seguindo o que consta no regulamento e que está disponível aqui.

Qualquer pessoa pode enviar projetos. Não é necessário ser mestre, doutor nem anexar currículo, referências ou resultados prévios. A seleção é baseada exclusivamente na qualidade da proposta, que deve ser inovadora, e no seu potencial para resolver gr// andes desafios globais. São aceitos projetos de c// andidatos de qualquer área ou organização, incluindo universidades, laboratórios, institutos de pesquisa, ONGs e empresas privadas. Acesse aqui  a Chamada no site da Fundação Bill e Melinda Gates.

Em caso de dúvidas, entre em contato com: neildes.paiva@facepe.br

Acesse o Edital aqui.

Dia Mundial da Conscientização do Autismo – 02 de Abril

autismo

O Autismo, também conhecido como Transtornos do Espectro Autista (TEA), são transtornos que causam problemas no desenvolvimento da linguagem, nos processos de comunicação, na interação e comportamento social da criança.  Atualmente, estima-se que 70 milhões de pessoas no mundo todo possuem algum tipo de autismo, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Com relação ao Brasil, esse número passa para 2 milhões. Uma pesquisa atual realizada neste ano do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) diz que o autismo atinge ambos os sexos e todas as etnias, porém o número de ocorrências é maior entre o sexo masculino (cerca de 4,5 vezes).

Esse transtorno não possui cura e suas causas ainda são incertas, porém ele pode ser trabalhado, reabilitado, modificado e tratado para que, assim, o paciente possa se adequar ao convívio social e às atividades acadêmicas o melhor possível. Quanto antes o Autismo for diagnosticado melhor, pois o transtorno não atinge apenas a saúde do indivíduo, mas também de seus cuidadores, que, em muitos casos, acabam se sentindo incapazes de encararem a situação.

Leia mais em https://minutosaudavel.com.br/o-que-e-autismo-sintomas-tipos-infantil-leve-e-mais/

Consulta aos usuários do AgilFAP: atualização do sistema

AgilFAP

A FACEPE está empreendendo uma consulta juntos aos seus usuários através de um questionário eletrônico para melhoria e atualização do sistema. Assim sendo convida os coordenadores de projetos, orientadores de bolsistas, consultores ad hoc e bolsistas a acessarem o link abaixo:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSeB-O_sBEWq7_ZZmXweV8VgGupplBoHkYvdhzc3FVDHTK-kUA/viewform

O preenchimento do questionário servirá para coletar informações sobre o atual sistema eletrônico de gerenciamento de propostas junto aos seus usuários (dificuldades no uso do sistema, problemas pontuais encontrados, sugestões de melhorias ou criação de novas ferramentas). Tais informações serão importantes para subsidiar a elaboração de um novo sistema de gestão de fomento a pesquisa em CT&I para Pernambuco.

O questionário estará disponível para preenchimento entre 28/março/2018 (00h01) e 27/abril/2018 (23h59).

Lançado o edital da 22ª Jornada de Iniciação Científica da FACEPE cujo tema será o “Cinquentenário da Pedagogia do Oprimido”

jornada 2018

A FACEPE lança o edital da Jornada PIBIC 2018 “Cinquentenário da Pedagogia do Oprimido” e convida os docentes e discentes para participarem da 22ª Jornada de Iniciação Científica. No evento os estudantes com bolsa do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) deverão apresentar trabalhos científicos referentes às pesquisas desenvolvidas.

A Jornada ocorrerá de 05 a 08 de junho de 2018, das 08h00 às 18h00, no Centro de Tecnologia e Geociências (CTG) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Serão concedidos 02 (dois) Prêmios para cada uma das áreas de conhecimento listadas abaixo:
  • Ciências Agrárias;
  • Ciências Biológicas;
  • Ciências da Saúde;
  • Ciências Exatas;
  • Ciências Humanas e Sociais Aplicadas
  • Engenharias
A submissão de resumos para participação na Jornada de Iniciação Científica da FACEPE ocorrerá entre 02 e 30/04/2018. O envio dos resumos dos trabalhos a serem apresentados devem ser realizados pelo orientador e/ou procurador devidamente autorizados portando sua senha eletrônica, com a qual o solicitante deverá acessar o Sistema AgilFAP (http://agil.facepe.br).

FACEPE lança do PAPPE Integração 8ª Rodada com investimento

pappe-integração-fapesb-640x353A Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (FACEPE) lança edital de Apoio à Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação em Microempresas e Empresas de Pequeno Porte na Modalidade Subvenção Econômica – PAPPE Integração – 8ª Rodada. A chamada pública para o PAPPE tem o objetivo de apoiar atividades de pesquisa e desenvolvimento de processos e/ou produtos inovadores, mediante a seleção de propostas para apoio financeiro na modalidade de Subvenção Econômica à Inovação, visando o aumento da competitividade das microempresas e empresas de pequeno porte de Pernambuco, prioritariamente, mas não somente, em  temas  de interesse especiais, como à pesquisa relacionada as Energias Renováveis, para incentivar o desenvolvimento de formas de produção de energia capazes de manter-se disponíveis durante um longo prazo, contando com recursos que se regeneram ou que se mantêm ativos permanentemente, particularmente a Energia Solar e a Energia Eólica.

Serão disponibilizados, pela FINEP e FACEPE para as propostas aprovadas recursos globais de R$ 4,5 milhões, sendo R$ 1 milhão destinados para Projetos de inovação visando o desenvolvimento de formas de produção de Energias Renováveis, principalmente a Energia Solar e a Energia Eólica e R$ 3,5 milhões para Projetos de inovação em qualquer área de conhecimento. Os projetos aprovados terão duração de 18 meses. As propostas devem ser enviadas até o dia 14/05/2018.

Poderão participar microempresas ou empresas de pequeno porte a sociedade empresária, a sociedade simples, a empresa individual de responsabilidade limitada e o empresário a que se refere o art. 966 da Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002 (Código Civil), devidamente registrados no Registro de Empresas Mercantis ou no Registro Civil de Pessoas Jurídicas, com atividade em Pernambuco ano-calendário anterior à data da proposta de financiamento, receita bruta igual ou inferior a R$ 360 mil. Já com as empresas de pequeno porte, receita bruta superior a R$ 360 mil, igual ou inferior a R$ 4,8 milhões.

Clique aqui e confira o edital.

Secretaria da Mulher realizou evento em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

secmulherA Secretaria da Mulher de Pernambuco (SecMulher-PE) realizou nesta segunda-feira (19), evento alusivo ao 8 de Março – Dia Internacional da Mulher. Participaram da comemoração, autoridades, representantes dos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, da sociedade civil e dos 185 Organismos Municipais de Políticas Públicas para as Mulheres. Aproximadamente, 2,4 mil pessoas participaram do evento que aconteceu no Teatro Guararapes do Centro de Convenções de Pernambuco.

Na ocasião, a secretária da Mulher de Pernambuco, Silvia Cordeiro, lançou a 12ª Edição do Anuário 8 de Março – 2018, que é um instrumento de políticas para as mulheres, o qual faz um balanço das ações realizadas em 2017 e metas prioritárias para 2018, anunciando a implementação de novas ações em favor da melhoria das condições de vida das populações femininas no Estado.

Entre as ações e anúncios que foram deliberados pelo Governo do Pernambuco, também aconteceu a entrega da premiação para as 10 vencedoras da 1ª Edição do Prêmio Literário da Mulher Idosa – Anita Paes Barreto. A premiação literária foi lançada em outubro passado e presta homenagem a educadora, psicóloga e pioneira na área de Educação de Crianças Especiais em Pernambuco, Anita Paes Barreto.

Fundação Bill e Melinda Gates, Ministério da Saúde, CNPq, Confap e FACEPE lançam chamada com foco na saúde materno-infantil

FBMG GCE BrazilNova edição do Grand Challenges Explorations é exclusiva para pesquisadores brasileiros

A Fundação Bill & Melinda Gates, o Ministério da Saúde, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), no conjunto de suas Fundações, estão com inscrições abertas para o envio de propostas para o primeiro Grand Challenges Explorations (GCE) exclusivo para pesquisadores brasileiros. O tema desta edição é “Ciência de dados para melhorar a saúde materno-infantil no Brasil”. A chamada busca propostas inovadoras que utilizem ciência de dados e modelagens para entender os principais fatores que impactam a saúde materna e o desenvolvimento infantil no Brasil. A ideia é que os projetos financiados ajudem os gestores a definir melhores políticas públicas e intervenções nessa área.

A parceria busca soluções em 17 temas, que variam de ferramentas para identificação de riscos ao desenvolvimento infantil a avaliações do impacto de intervenções e programas sociais na saúde materno-infantil. Desde 2009, 14 projetos brasileiros foram apoiados pela iniciativa Grand Challenges Explorations em chamadas abertas para pesquisadores do mundo todo. Além do financiamento de 100 mil dólares da Fundação Gates, os brasileiros podem receber nesta chamada um adicional de 25% a 50% do valor total das FAPs de seus estados. Aderiram a esta chamada, apoiados pelas suas respectivas Fundações, os estados de Amazonas (Fapeam), Bahia (Fapesb), Ceará (Funcap), Distrito Federal (FAPDF), Espírito Santo (Fapes), Goiás (Fapeg), Maranhão (Fapema), Minas Gerais (Fapemig), Paraná (Fundação Araucária), Pernambuco (Facepe), Rio Grande do Norte (Fapern), Rio Grande do Sul (Fapergs), Santa Catarina (Fapesc), São Paulo (Fapesp), Sergipe (Fapitec) e Tocantins (Fapt).

As inscrições para o Grand Challenges Explorations vão até 2 de maio. Qualquer pessoa pode enviar projetos. Não é necessário ser mestre, doutor nem anexar currículo, referências ou resultados prévios. A seleção é baseada exclusivamente na qualidade da proposta, que deve ser inovadora, e no seu potencial para resolver grandes desafios globais. São aceitos projetos de candidatos de qualquer área ou organização, incluindo universidades, laboratórios, institutos de pesquisa, ONGs e empresas privadas. Para participar, basta descrever sua ideia em duas páginas em inglês com uma cópia em português.

O professor de Obstetrícia da Universidade Estadual de Campinas, José Guilherme Cecatti, foi o mais recente pesquisador financiado pelo GCE. Ele pretende testar, pela primeira vez, se a atividade física e os padrões de sono durante a gestação têm relação com complicações como o diabetes gestacional, pré-eclâmpsia e parto prematuro. “O grande diferencial é que o GCE aposta na ideia que você está apresentando de algo que pode dar certo, sem a necessidade de ter um projeto completamente desenvolvido para submissão”, diz Cecatti. “Se for selecionado, o pesquisador terá a oportunidade de discutir com outros inovadores do mundo todo que estão desenvolvendo ideias similares em grandes encontros internacionais”.

Apoio do Cidacs
Esta é a segunda vez que a Fundação Gates, o Ministério da Saúde e o CNPq investem no potencial de pesquisadores e inovadores brasileiros em gerar dados relevantes em saúde para informar políticas públicas. Em 2015, aproximadamente 4,8 milhões de reais foram destinados para a criação e manutenção do Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde (Cidacs/Fiocruz Bahia) até 2020. Nesta chamada, o Cidacs, instituição de pesquisa ligada à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e sediada em Salvador, vai disponibilizar informações anonimizadas geradas a partir da vinculação de quatro bases de dados (cadastro único, mortalidade, nascimentos e do programa bolsa família) para pesquisadores financiados pelo Grand Challenges Explorations Brasil. A ideia é que os pesquisadores trabalhem em parceria com o Cidacs.

Sobre a parceria com as FAPs
Em 2007, a Fundação Gates lançou o Grand Challenges Explorations para envolver mais inovadores do mundo mais rapidamente. Boas ideias surgem em todos os lugares. Duas vezes ao ano, o Grand Challenges Explorations aceita propostas de projetos de alto risco e alta recompensa em uma série de desafios. No Brasil, uma parceria com Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAPs) garante um aporte adicional de 25.000 a 50.000 dólares a inovadores de seus estados que tiverem suas ideias selecionadas pelo programa.

Sobre a parceria com o Ministério da Saúde
Em 2011, o Ministério da Saúde e a Fundação Bill & Melinda Gates assinaram um Termo de Cooperação para formalizar uma parceria estratégica, a chamada Brazil Strategic Alliance (BSA), que tem por objetivo contribuir com recursos e experiência para prioridades mútuas em saúde, com potenciais benefícios para a saúde pública no Brasil e no mundo. O sucesso da parceria foi reforçado em abril de 2017 quando um novo Termo de Cooperação foi assinado pela Fundação e o Ministério, renovando o BSA por mais cinco anos. O acordo prevê colaborações em uma série de iniciativas, que incluem assistência a produtores de vacinas, inovações para o tratamento da malária e o programa Grand Challenges Brasil entre outros. Duas chamadas do Grand Challenges já foram lançadas para brasileiros:

Prevenção e Manejo de Partos Prematuros (2013) e Desenvolvimento Saudável para Todas as Crianças (2014). Elas selecionaram 21 projetos, que receberam 25 milhões de reais dos parceiros, e devem ser finalizados até 2020.

Acesse aqui a Chamada no site do Confap: and-challenges- explorations- brasil/”>brasil/

Acesse aqui a Chamada no site da Fundação Bill e Melinda Gates:
andchallenges.org/challenge/grand-challenges- explorations-brazil- data-science- approaches-improve- maternal-and- child”>approaches-improve- maternal-and- child

mch_small

FACEPE lança edital de apoio à Divulgação Científica

divulgação científicaA FACEPE lança o Edital FACEPE 04/2018 – Apoio à Divulgação Científica que objetiva “Apoiar projetos para realização de exposições científicas interativas, experimentos e/ou kits educacionais e produções audiovisuais para divulgação científica”.

As escolas públicas, departamentos ou cursos regulares das Instituições de Ensino Superior (IES), sem fins lucrativos, e das Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs) de Pernambuco podem apresentar propostas de projetos para elaborar exposições científicas interativas, experimentos e/ou kits educacionais e produções audiovisuais para divulgação científica nos termos estabelecidos e em conformidade com o REGULAMENTO do Edital.

As propostas aprovadas serão financiadas com recursos não reembolsáveis no montante global de até R$ 550.000,00 (quinhentos e cinquenta mil reais) distribuídas em 3 categorias:

  •  Categoria A – Exposições Científicas Interativas -  no total de R$ 250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais)
    • Até 3 (três) propostas de até R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais)
    • Até 10 (dez) propostas de até R$ 10.000,00 (dez mil reais)
  • Categoria B – Experimentos e/ou Kits Educacionais  – no total de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais)
    • a) Até 20 (vinte) propostas de até R$ 5.000,00 (cinco mil reais)
    • b) Até 5 (cinco) propostas de até R$ 10.000,00 (dez mil reais)
  • Categoria C – Produções Audiovisuais – no total de R$ 100.000,00 (cem mil reais)
    • a) Até 2 (duas) propostas de até R$ 40.000,00 (quarenta mil reais)
    • b) Até 2 (duas) propostas de até R$ 10.000,00 (dez mil reais)

As propostas devem ser submetidas à FACEPE até o dia 01 de maio de 2018, via internet, através dos seguintes passos:

  • Acessar o AgilFAP com seu login e senha (http://agil.facepe.br/);
  • Escolher, na aba Formulários, o item “Bolsas e Auxílios”;
  • Indicar, na aba Auxílios, a modalidade “APQ – Projeto de Pesquisa”;
  • Selecionar, em Natureza da solicitação, a opção “Editais” e, em Editais vigentes, a opção “Edital 04/2018 – Divulgação Científica”.

O proponente deve anexar no formulário do AgilFAP, além do CV Lattes e da proposta, a carta de anuência da Instituição e uma declaração de vínculo com a Instituição.

Acesse o Edital.