Durante a etapa Nordeste da 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação, Facepe recebe investimento estadual de R$ 4 milhões

Etapa Nordeste da 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação - Foto:  Saulo Aleixo (SECTI)

Etapa Nordeste da 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação – Foto: Saulo Aleixo (SECTI)

O fomento será destinado para fomento de projetos em energias renováveis e descarbonização.

A governadora de Pernambuco, Raquel Lyra, anunciou durante a etapa Nordeste da 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação o investimento de R$ 4 milhões para edital com foco em energias renováveis e descarbonização, certame que será promovido pela Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco (FACEPE), entidade vinculada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco (SECTI/PE).

Etapa Nordeste da 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação - Foto:  Saulo Aleixo (SECTI)

Etapa Nordeste da 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação – Foto: Saulo Aleixo (SECTI)

Segundo a presidente da FACEPE, professora Fernanda Pimentel, “o edital visa promover ações sinérgicas e multidisciplinares entre os pesquisadores de Pernambuco, atuantes nessa temática”, afirmou a gestora, ressaltando que o edital será lançado em breve.

Conferência – A FACEPE esteve presente no primeiro dia da etapa Nordeste da Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação, que se iniciou na última quinta-feira (02), no Centro de Eventos da Faculdade Pernambucana de Saúde (FPS), no Recife. O encontro reuniu a comunidade científica, tecnológica e de inovação do Nordeste para propor políticas públicas para os segmentos.

A conferência é estratégica para a construção coletiva de políticas públicas que fortaleçam a pesquisa científica e a inovação no país. “É muito importante participar da Conferência, pois é um evento que trará delineamentos para o futuro da política de Ciência, Tecnologia e Inovação no país”, completou o diretor de Inovação da FACEPE, Leonardo Ferraz.

A programação da Conferência segue até esta sexta-feira (03) reunindo membros da sociedade civil, empresários e agentes públicos das áreas de Ciência, Tecnologia e Inovação para discutir e levantar as políticas públicas que deverão ser prioridades para a região Nordeste. As propostas de CT&I dos nove estados da região serão debatidas e os resultados serão encaminhados para a 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação, que acontecerá de 04 a 06 de junho, em Brasília.

Etapa Nordeste da 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação - Foto:  Saulo Aleixo (SECTI)

Etapa Nordeste da 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação – Foto: Saulo Aleixo (SECTI)

A transmissão online do evento acontece nos canais do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco (SECTI/PE) no Youtube.

FACEPE e SECTI publicam resultado preliminar do edital n.° 01/2024 Programa de Bolsas Pernambucanas de Produtividade: Interiorização

FACEPE PUBLICA RESULTADO PRELIMINAR PROGRAMA DE BOLSAS PERNAMBUCANAS DE PRDUTIVIDADE INTERIORIZAÇÃO

A Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (FACEPE), entidade vinculada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI-PE), comunica a divulgação do resultado preliminar do Edital 01/2024 Programa de Bolsas Pernambucanas de Produtividade: Interiorização.

A iniciativa é voltada para o fortalecimento da interiorização das atividades científicas, tecnológicas e inovadoras em Pernambuco. O programa visa incentivar pesquisadores(as) produtivos(as) residentes e atuantes no interior do Estado, apoiando e reconhecendo a importância de suas atividades, de modo a impulsionar o desenvolvimento igualitário do conhecimento em todo o Estado, além de promover o desenvolvimento e a consolidação de núcleos e grupos de pesquisa em regiões historicamente menos contempladas.

O prazo para interposição de recurso é de 5 dias corridos a partir do disparo das mensagens pelo sistema AgilFAP.

Acesse o link abaixo para consultar o resultado preliminar.

Edital FACEPE 01-2024 – BPP-Int – Resultado Preliminar

Acadêmica Salete Cavalcanti recebe o título de pesquisadora emérita do CNPq

professora salete recebe titulo pesquisadora emerita cnpq

A premiação é oferecida para pesquisadores que prestaram relevantes contribuições para o Brasil

A professora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Salete Cavalcanti, vencedora do Prêmio Ricardo Ferreira ao Mérito Científico (2017) e ex-orientadora do Programa de Bolsas de Pós-Graduação (PBPG) da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (FACEPE), entidade vinculada a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI/PE), recebe o título de pesquisadora emérita do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) . O reconhecimento, junto à comunidade científica, reflete a importância do conjunto de sua produção acadêmica nas áreas de antropologia rural e sociologia rural.

O prêmio é concedido desde 2005 para pesquisadores que prestaram relevantes contribuições ao país. Ao longo da carreira, a professora Salete Cavalcanti desenvolveu articulações com pesquisadores de universidades de diferentes países da Europa e América do Norte. Seus estudos tratam sobre os atores e a dinâmica das relações entre produtores, trabalhadores, consumidores e distribuidores nas cadeias globais de alimentos. Nos anos 1990, foi uma das precursoras do debate sobre globalização, agricultura e meio ambiente no Brasil.

Também estão entre os principais temas de estudos da professora, o desenvolvimento rural e as sociedades camponesas; as desigualdades sociais; além de trabalhadores migrantes, com ênfase em trabalho e gênero.

Professora titular da UFPE e membro da Academia Pernambucana de Ciências, Salete Cavalcanti, em 2017, recebeu pela FACEPE o prêmio Ricardo Ferreira ao Mérito Científico, pela contribuição científica e tecnológica de valor para o progresso da sua área do conhecimento, concedido para a área de Ciências Humanas, Letras e Sociais Aplicadas.

“O meu sentimento é de agradecimento às várias pessoas e instituições com as quais realizamos um projeto coletivo acadêmico de contribuição à ciência e de produção de conhecimentos, em resposta as demandas das populações e as melhorias das condições de vida e do bem viver, em todas as suas dimensões. O prêmio é de todos nós. Agradeço a nossa Academia Pernambucana de Ciências, por garantir um espaço importante de debate científico e democrático para o fortalecimento das ciências no estado de Pernambuco”, disse a professora Salete Cavalcanti.

A entrega do prêmio ocorrerá, às 18h, do dia 08 de maio, no auditório da Escola Naval, no Rio de Janeiro. Na cerimônia, também acontecerá a solenidade de apresentação dos novos Membros Titulares e Correspondentes da Academia Brasileira de Ciências (ABC).

FACEPE apresenta os resultados dos projetos aprovados na Chamada Pública FACEPE 14/2019 – Apoio ao Programa de Inovação INOVA IAM

divulgacao de resultados - inova IAM

O objetivo da Chamada Pública é fornecer fundos para projetos de pesquisa que buscam avançar a ciência e a tecnologia na área da saúde

A Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco (FACEPE), instituição pública vinculada a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI/PE), concluiu o processo de avaliação de projetos da Chamada Pública 14/2019 – Apoio ao Programa de Inovação INOVA IAM. O encerramento, que ocorreu na última quinta-feira (18), de forma virtual, reuniu os coordenadores para apresentação dos resultados.

No total, foram aprovados 17 projetos e injetados recursos que chegaram a R$ 2 milhões. Dentre as categorias, o desenvolvimento de iscas para monitoramento e controle de mosquitos dos gêneros Aedes e Culex; estudos sobre vírus de importância médica com ênfase nas arboviroses; tecnologias para o trabalho em saúde; estudos de doenças negligenciadas; biossensores; doenças infecto-parasitárias; ações ambientais de promoção à saúde da população; e saúde dos idosos.

Para a apresentação de resultados, estiveram presentes na abertura do evento a diretora da FACEPE, professora Helen Khoury, o diretor do Instituto Aggeu Magalhães (IAM), Pedro Miguel Neto, e o vice-diretor de Pesquisa do IAM, Manoel Lima. Na comissão de avaliação, os especialistas Silvio Dolabella, da Universidade federal de Sergipe (UFS), Claudio Stefanoff, da Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRU), e Leuridan Torres, do Instituto materno Infantil de Pernambuco (IMIP/PE) apreciaram os resultados apresentados pelos coordenadores dos projetos aprovados na Chamada Pública.

“Os resultados têm potencial de contribuir, de médio a longo prazo, para o desenvolvimento do Sistema Único de Saúde (SUS) no Estado”, afirmou a gestora de Programas em Ciência, tecnologia e inovação, da FACEPE, Ana Cássia Lima, durante a divulgação dos resultados.

Desde 2019, foram implementadas 27 bolsas de cooperação técnica, nos níveis de graduação e doutorado. Como frutos dessas iniciativas, também foram gerados produtos nas áreas de recursos humanos, divulgação de resultados em congressos nacionais e internacionais, publicação de artigos em periódicos, além de parcerias, publicação de livros e patentes.

Pesquisadores bolsistas da FACEPE publicam artigo na Universidade de Cambridge

WhatsApp Image 2024-04-18 at 10.30.12

A publicação valoriza o desenvolvimento dos estudos agrícolas financiados por instituições de ensino e pesquisa cooperando para o progresso da ciência

Um grupo de pesquisadores vinculados ao projeto Inovação em Sistemas Integrados de Produção (GINTEGRA), da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), em colaboração com pesquisadores da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), da University of Florida e da University of Alberta (Canadá), publicaram neste mês de abril o artigo “The distance from tree legumes in silvopastoral systems modifies the litter in grass-composed pastures” no The Journal of Agricultural Science da Universidade de Cambridge, da Inglaterra. O estudo contou com financiamento da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco (FACEPE), instituição vinculada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI/PE), além da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) e Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA).

O estudo analisa o efeito das leguminosas arbóreas gliricidia e sabiá em pastagens de capim braquiária. Os resultados mostram que o capim braquiária cresce menos próximo às árvores leguminosas, com maior serapilheira e teor de nitrogênio nas áreas próximas às árvores.

A equipe é composta por um grupo diversificado de pesquisadores, composto por Amanda Maria Gallindo dos Santos, ex-bolsista do Programa de Bolsas de Pós-Graduação (PBPG), e José Carlos Batista Dubeux Junior, atual orientador do mesmo programa; Mércia Virginia Ferreira dos Santos, atual bolsista de Bolsas de Fixação ao Pesquisador (BFP); Naligia Gomes de Miranda e Silva e Suellen Brandão de Miranda Costa, ambas ex-bolsistas de Bolsas de Cooperação Técnica (BCT); Diego de Lima Côelho e Janerson José Coelho, ambos ex-bolsistas de Bolsas de Fixação ao Pesquisador (BFP); Bárbara Marcélia Martins de Oliveira, ex-bolsista de Iniciação Científica (BIC); e Valéria Xavier de Oliveira Apolinário, ex-coordenadora de Auxílio a Projeto de Pesquisa (APQ).

Segundo Cristiane Ferraz, gestora de Programas em Ciência, Tecnologia e Inovação, da FACEPE, o artigo demonstra como as bolsas da Fundação, em suas diferentes modalidades, contribuem para o fomento e consolidação de grupos de pesquisa. “São fomentos que formam desde alunos de graduação até coordenadores de projetos de ponta, viabilizando a execução de temáticas relevantes, fortalecendo a interiorização do Estado e gerando publicações científicas de impacto internacional”, destaca.

A FACEPE dispõe de um conjunto de editais temáticos que patrocinam iniciativas de desenvolvimento acadêmico, por meio da pesquisa e extensão, priorizando projetos que atendem aos objetivos do desenvolvimento sustentável e visando o desenvolvimento do Estado. Em 2023, foram 20 chamadas lançadas, totalizando 3083 bolsas e 1100 auxílios ativos.

Para ler o artigo, acesse o link

Conselho Superior da FACEPE designa novos membros

foram designados os novos membros do conselho superior da facepe

Assumem o Conselho o engenheiro químico Spartacus Pereira, o advogado Murilo Roberto e a engenheira civil Simone Rosa da Silva

O Conselho Superior da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (FACEPE), instituição vinculada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI/PE), neste mês de abril, passa a dispor de três novos membros. Como representantes do setor empresarial pernambucano, foram designados o engenheiro químico Spartacus Pereira Pedrosa e o advogado Murilo Roberto de Moraes Guerra. Já como membro da categoria de pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento, representantes das instituições de ensino e pesquisa sediadas no Estado, assume a engenheira civil Simone Rosa da Silva.

O trio passa a compor o grupo que tem função deliberativa nas ações para gestão da Fundação. A designação dos conselheiros obedece às disposições contidas no Decreto Estadual nº 44.270, de 2017, que estabelece no Estatuto da FACEPE e define a duração dos mandatos dos conselheiros pelo período de seis anos, iniciados sempre em 1º de abril e terminados em 31 de março.

Além de engenheiro químico, Spartacus Pereira é também administrador de empresas. Diretor do grupo Moura, ele dirige o Instituto de Tecnologia Edson Mororó Moura, onde atua no desenvolvimento de sistemas de armazenamento de energia de todos os portes e de outros pares eletroquímicos, incluindo as baterias de íons de lítio.

Já Murilo Roberto de Moraes Guerra é superintendente do Sebrae/PE. Graduado pela Faculdade de Direito do Recife (UFPE), já atuou como secretário do Trabalho, Qualificação Profissional e Microempresa de Pernambuco, foi presidente do Centro de Desenvolvimento de Pernambuco (CEAG), chefe de gabinete do Governo de Pernambuco e presidente do Serviço Social Agamenon Magalhães (SSAM).

Simone Rosa da Silva é professora do Departamento de Engenharia Civil da Escola Politécnica da Universidade de Pernambuco (Poli/UPE) e tem desenvolvido trabalhos científicos relevantes em hidrologia, gestão de recursos hídricos e segurança de barragens.

FACEPE lança o edital da Jornada PIBIC 2024

WhatsApp Image 2024-04-12 at 16.15.56

A FACEPE, instituição vinculada a SECTI e o Governo do Estado de Pernambuco, lança o edital da Jornada PIBIC 2024 com o tema “Ciência & Inovação em Pernambuco: FACEPE 35 anos” e convida os docentes e discentes para participarem da 28ª Jornada de Iniciação Científica. No evento os estudantes com bolsa do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) deverão apresentar trabalhos científicos referentes às pesquisas desenvolvidas.

A Jornada ocorrerá de 10 a 21 de junho de 2024, das 08h às 17h, de forma online.

Serão concedidos dois Prêmios para cada uma das áreas de conhecimento listadas abaixo:

• Ciências Agrárias;
• Ciências Biológicas;
• Ciências da Saúde;
• Ciências Exatas;
• Ciências Humanas e Sociais Aplicadas
• Engenharias

A submissão de resumos para participação na Jornada de Iniciação Científica da FACEPE ocorrerá entre 15 de abril e 31 de maio de 2024. O envio dos resumos dos trabalhos a serem apresentados deve ser realizado pelo orientador e/ou procurador devidamente autorizado portando sua senha eletrônica, com a qual o solicitante deverá acessar o Sistema AgilFAP.

Acesse Edital no link abaixo

Edital_FACEPE_10-2024_JornadaPIBIC_e_PRF

Controle Interno na FACEPE alcança pontuação máxima em avaliação da SCGE

WhatsApp Image 2024-04-08 at 16.33.56

 

A Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco (Facepe), instituição vinculada a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti/PE), obteve a pontuação máxima no Índice de Adequação ao Sistema de Controle Interno do Executivo Estadual, concedido pela Controladoria Geral do Estado de Pernambuco(SCGE).

O indicador avalia a conformidade das instituições governamentais estaduais com os padrões de controle interno estabelecidos. O processo de avaliação envolve a análise dos procedimentos, políticas e práticas adotadas, considerando aspectos como estrutura organizacional, efetividade dos controles internos e transparência na gestão dos recursos públicos. “Ao alcançar essa marca, compreendemos que estamos correspondendo às expectativas da sociedade, e isso nos estimula a trabalhar mais para superar as metas previstas”, avalia a diretora de Gestão da Facepe, Márcia Lira.

O trabalho do controle interno desempenha um papel crucial na Facepe, assegurando a utilização responsável e eficiente dos recursos públicos destinados à pesquisa. Além de cumprir com obrigações legais, permite à instituição otimizar processos internos, reduzir riscos e maximizar o impacto de seus investimentos em ciência e tecnologia. A conquista do índice máximo reflete o comprometimento da Fundação com a integridade e governança transparente, fortalecendo a confiança de financiadores, pesquisadores e parceiros, além de reconhecer a importância do controle interno para a transparência e eficácia da instituição.